Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

Aluna do Campus Araquari recebe premiação nos EUA

13244223_10154058966656138_861417995212494042_oA estudante Andressa Vieira de Moraes, do curso de Medicina Veterinária do Campus Araquari, conquistou a primeira colocação da América Latina, na categoria graduação, no maior concurso de Agrociência do mundo. A premiação do Alltech Young Scientsts ocorreu durante o One: Simpósio de Ideias Alltech, que aconteceu entre os dias 22 e 25 de maio de 2016, na cidade de Lexington, nos Estados Unidos.

O evento, que visa motivar a inovação, propôs, neste ano, o debate sobre tecnologia e negócios. Deste modo, além da possibilidade da apresentação de seu trabalho na área de probióticos, a estudante do IFC também teve a oportunidade de trocar experiências com os demais finalistas, pesquisadores do mundo inteiro, e conhecer as inovações que estão sendo pesquisadas pela Alltech, líder mundial do setor de saúde e nutrição animal.

Uma experiência única

O crescimento acadêmico que um evento desta magnitude proporciona a um estudante é imensurável, principalmente quando aliado à experiência de vida resultante de uma viagem ao exterior.

A agenda dos estudantes finalistas era programada com muitas atividades, de manhã até a noite, e todos participavam juntos, como uma grande equipe. Dentre estas, ocorreram palestras com pesquisadores da empresa, visitas técnicas nas instalações e laboratórios, e até mesmo o conhecimento de um esporte muito popular no país – o golfe.

Antes da competição final, ocorrida no dia 23/05, cada finalista fez uma pré-apresentação de seus trabalhos dois dias antes, recebendo auxílio e sugestões de jurados para melhor explanação da sua pesquisa. Além disso, no domingo, houve a exposição de pôsteres, como forma de convite para os participantes do simpósio assistirem à etapa final da premiação. Andressa relatou que a preocupação da Alltech, com a união entre os finalistas, era constante e destacou a receptividade e o apoio de quem a acompanhou durante todo o tempo de estadia nos Estados Unidos.

A competição mundial possuía premiação única, a qual foi conquistada pela finalista americana. No entanto, a aluna do IFC enfatizou que a experiência vivida nestes sete dias já foi um grande prêmio, principalmente por estar entre os quatro melhores do mundo. E, como ela mesma destacou, “O resultado desta premiação foi decorrente de um trabalho de três anos. Senti-me muito feliz por estar representando nosso país na competição, bem como a minha instituição e principalmente o laboratório em que sou bolsista. Foi muito importante para valorizar nossa pesquisa!”. A estudante também ressalta que foi uma experiência de vida incrível que levará por toda sua carreira.

Andressa pretende seguir trabalhando na área de Aquicultura, almejando a carreira acadêmica e de pesquisa, sendo que já pensa em uma pós-graduação stricto sensu, podendo aproveitar até mesmo a possibilidade de Mestrado Profissional em Produção e Sanidade Animal dentro do próprio IFC Araquari, que apresenta, como uma das linhas de pesquisa, a temática da “produção sustentável e sanidade aquícola”.

A educação oferecida pela instituição possibilita aos estudantes muitos caminhos e oportunidades. Premiações como esta são exemplos de que o esforço pessoal e da equipe envolvida, aliado a uma boa orientação, pode traçar caminhos de sucesso.

 

Texto: Cecom/Araquari.

Imagens: Alltech Education.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter

Esta notícia foi editada na quarta-feira, 29 de junho de 2016, às 15:49 pela Coordenação-Geral de Comunicação (Cecom).

Últimas notícias: