Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

Campus Avançado Sombrio promove curso sobre Geoparque

Em 09/05 iniciou a sexta edição do curso de capacitação Aspectos da Geologia e Geomorfologia da região Aspirante ao Geoparque Caminhos dos Cânions do Sul, sediado em Mampituba (RS). O curso conta com a coordenação e certificação realizadas pelo IFC- Campus Avançado Sombrio e pelo IFSC – Campus Araranguá, as aulas ficam por conta do Comitê de Organização da Candidatura do Geoparque Caminhos dos Cânions do Sul. Ao todo participam da capacitação 48 pessoas que atuam como professores da Educação Básica, guias e empreendedores turístico e interessados ambientais, que aprenderão sobre geodiversidade, geoturismo, educação ambiental e geossítios, com foco nas potencialidades e estruturas ambientais e sociais presentes no extremo sul de Santa Catarina, litoral norte e serra gaúcha, regiões envolvidas com a proposta do Geoparque.

O primeiro, de um total de quatro encontros teóricos, aconteceu na Câmara de Vereadores de Mampituba (RS), cuja abertura e recepção foi conduzida pelo Prefeito Municipal, Dirceu Lopes Roldão. Ainda, o primeiro encontro seguiu para a apresentação do conceito e dos fundamentos que envolvem o reconhecimento de um território como pertencente a Rede Global de Geoparques pela UNESCO realizado por Sung Chen Lin, que coordena a candidatura do Geoparque Caminhos dos Cânions do Sul.

A coordenadora apresentou o histórico dos esforços empreendidos para organização do dossiê de candidatura, com previsão de apresentação para exame frente a UNESCO em outubro de 2018. Caso o dossiê seja aprovado, o Geoparque Caminhos dos Cânions do Sul poderá ser o segundo geoparque brasileiro a compor a Rede Global de Geoparques, composta por 120 unidades.

Os próximos encontros acontecem nos dias 17, 26 e 31 de maio, com foco na geologia e geomorfologia da região e na elaboração de estratégias e materiais didáticos para a disseminação do tema entre a comunidade e os turistas. O curso será finalizado com uma saída técnica de reconhecimento a alguns dos geossítios inventariados pelo Conselho de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM).

geoparque

*Texto e foto: Divulgação/Sombrio.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter

Esta notícia foi editada na quarta-feira, 17 de maio de 2017, às 19:24 pela Coordenação-Geral de Comunicação (Cecom).

Últimas notícias: