Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

Campus São Bento do Sul realiza 1ª Setic

Nos dias 24 e 25 de outubro, o Instituto Federal Catarinense – Campus São Bento do Sul organizou sua primeira Semana de Ensino, Tecnologia e Iniciação Científica (Setic), participando da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. A Setic trouxe para o campus o tema “A matemática está em tudo”, da Semana Nacional, e mobilizou estudantes, professores, técnicos administrativos e membros da comunidade para refletir sobre o conhecimento e a ciência, com muita criatividade, talento e energia para aprender.

A programação da Setic estava completa: palestras, oficinas, sessões orais, mesas-redondas, mini-cursos e diversas atividades culturais para envolver todo o instituto. No dia 24, terça-feira, tiveram início as oficinas e os mini-cursos: “Introdução ao Latex” (professores Genilson Carvalho e Ranuzy Borges Neves); “Desenvolvimento de Trabalhos Científicos” (professoras Luana Santos de Lima e Rosana da Silva Cuba); “Introdução ao software CAD 3D Inventor: Interface e ambientes de trabalho” (diretor-geral Samuel Werlich); “Lançamento de Foguetes” (acadêmico Parcival Ferreira Araújo, da Engenharia de Computação); “Do Silício ao Circuito Integrado” (professor Ricardo Campagnin); “R para iniciantes: uma alternativa para as análises estatísticas” (professor Henrique Valadão de Oliveira); “Cão-Guia” (professores André Luiz Torrecillas Sturion, do Campus Araquari, e Marinês Kerber, do Campus Camboriú), com a presença dos cães-guia Cadu e Baby, provenientes do IFC Camboriú, que também participaram da oficina.

Após as oficinas, os alunos apresentaram seus projetos e pesquisas em sessões orais, que tiveram os seguintes temas:

Dispositivo de motorização de cadeira de rodas” (Eduardo Machado Munhoz, Hiluan Furst de Lima, Gabriel Vinicius Alvez e Rafael Henrique Abrange) – TAI
Dispositivo de transformação de energia mecânica em energia elétrica nas academias” (Vitor Hugo Varela, Vitor José Bush, Vinicius Cipriani e Enzo de Souza Rosa) – TAI
Industrialização no campo” (Geovana Osovzky Kobus) – TAI
Medidor de energia com painel digital” (Vinicius Guilherme Franz Monteiro, Douglas Carvalho de Miranda, Anderson Machado de Abreu, Erick Hugo Weidner Kaszubowski) – TAI

Na cerimônia de abertura, durante a noite, a música brasileira teve espaço com o grupo Primeiro Choro, da escola de música Donaldo Ritzmann. O grupo apresentou clássicos do gênero e empolgou o público. Para a palestra de abertura, a convidada foi a professora Thaís Jordão, docente da USP, que falou sobre “Matemática e Beleza” e trouxe importantes apontamentos e reflexões sobre o modo de se compreender a matemática no ambiente estudantil. Houve ainda sorteio de livros.

Para o segundo dia do evento, não faltou disposição dos participantes. Nas oficinas e mini-cursos, algumas temáticas diferentes: Automação de soldagem e tecnologia de equipamentos, com o professor Ricardo Campagnin; Ensinando/Aprendendo Matemática com música, com a Professora Ranuzy Borges; e Modelagem matemática do MOSFET, com o professor Jean Carlos Bortoli Dalcin. A oficina de foguetes foi a sensação da tarde: mesmo com chuva, os alunos levaram seus foguetes de garrafa pet para serem lançados na área externa do campus. Orientados por Parcival, acadêmico da Engenharia de Computação, os estudantes do ensino médio integrado puderam fazer e ver seus foguetes decolarem em um momento de descontração e muito aprendizado.

Ainda foram organizadas mais algumas sessões orais, completando a programação de explanações dos alunos:

“Robô Semeador” (Ruan Matheus Tremba, Lucas Mocelin Oracz, Uziel Cypriano) – TAI
“Máquina Dobra e Cola” (Maria Eduarda Verbinenn, Felipe Alves Ribeiro, Cássio Henrique Moreira, Beatriz Luize Neitzke) – TAI
“Sensor para cegos” (Analice Nunes, Júlia Alves Rackow, Osvaldo Tavares de Camargo Júnior) – TAI
“Carro elétrico” (Geovana Osovsky Kobus, Michele Aparecida dos Santos Bueno) – TAI
“Empoderamento: sentidos e apropriações de tal conceito nas redes sociais mais utilizadas no Brasil: Twitter e Facebook” (Júlia Alves Rackow, orientada pela Professora Rosana Cuba)

À noite, foi promovida uma mesa-redonda no auditório do campus, com três docentes de outras instituições e mediação da professora Luana, de língua inglesa. O tema da mesa foi “A matemática está em tudo”, e foram convidados para participar a professora doutora Roberta Pires de Oliveira, da Universidade Federal de Santa Catarina, o professor doutor Marcelo Giradi Schappo, do Instituto Federal de Santa Catarina – Campus São José, e a professora Andriceli Richit, do IFC Campus Concórdia.

As explanações dos três docentes trouxeram diversos apontamentos interessantes e pertinentes, que renderam um produtivo debate entre a mesa e com os participantes, que fizeram perguntas, observações  e demonstraram muito interesse pelo tema e suas abordagens. Ao final, foram anunciados os melhores trabalhos apresentados nas sessões orais e feito o sorteio de mais um livro. O encerramento da cerimônia e da Setic ficou a cargo do diretor de Desenvolvimento Educacional, Alessandro Iavorski.

Apresentações Culturais

Apresentações cheias de talento e criatividade marcaram os dois dias de Setic dentro do IFC SBS. Na terça-feira, convidado pela Cofradía Latino-americana, o grupo de rap Referência Verbal, de Rio Negrinho, trouxe para o evento poesia e engajamento, falando sobre sua trajetória e sobre a história do rap em nossa região. Os meninos do grupo cantaram e agitaram os alunos, com muito ritmo e atitude. Depois foi a vez do grupo Hip Hop X-Style dar um show com a coreografia Tribos Urbanas, do coreógrafo Danilo Rogério de Lara. À noite, a cerimônia de abertura teve a belíssima apresentação do grupo Primeiro Choro, representante do gênero musical em São Bento do Sul.

No dia seguinte, a energia e diversidade de estilos marcaram presença: o IFC recebeu o Grupo Folclórico Polonês Hercílio Malinowsky, da Escola Básica Municipal Dr. Hercílio Malinowsky. O grupo veio com trajes típicos e dançou músicas polonesas, trazendo um pouco da cultura européia diferente da predominância germânica da região. E o talento dos nossos professores e alunos não poderia ser esquecido: houve canto, dança, declamação de poema e apresentações instrumentais com as alunas, do Ensino Técnico integrado, Amanda Baun Lino, que tocou violino, e a dupla Natália Hansen e Heloísa Buchmann, que cantaram e tocaram flauta.

A primeira Semana de Ensino, Tecnologia e Iniciação Científica do IFC SBS conseguiu mobilizar e trazer muitas reflexões e considerações importantes para os que participaram. Considerações sobre a matemática e sobre a ciência como um todo, com temas diversificados e convergentes, que renderam experiências enriquecedoras. A variedade de ações, envolvendo arte, tecnologia e conhecimento, fez da Setic um momento muito especial para o campus, que espera poder promover interna e externamente eventos dessa natureza, capazes de estimular a criatividade e a busca pelo conhecimento.

Confira fotos da Setic aqui.

Fonte: Cecom/São Bento do Sul.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter

Esta notícia foi editada na sexta-feira, 10 de novembro de 2017, às 20:11 pela Coordenação-Geral de Comunicação (Cecom).

Últimas notícias: