Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

Câmpus São Bento do Sul realiza Audiência Pública

audiencia-publica-SBS (4)A gestão do Instituto Federal Catarinense (IFC) realizou na noite de quarta-feira (15/4) a primeira Audiência Pública com a comunidade local. O objetivo do debate, que ocorreu no Auditório da Secretaria Municipal de Educação (SEMED), com a presença de cerca de 140 pessoas, foi definir os eixos tecnológicos para o Câmpus São Bento do Sul.

Estiveram presentes o reitor do IFC, Francisco José Montório Sobral, o diretor-geral do Câmpus São Bento do Sul, Robert Lenoch, o prefeito Municipal, Fernando Tureck, servidores do Câmpus, dirigentes de instituições de ensino públicas e privadas da região, representantes de associações, entidades e clubes, prefeitos municipais da região, presidentes de câmara e a sociedade em geral.

Para o reitor Francisco Sobral, a Audiência Pública representa a definição do futuro de jovens, trabalhadores e da sociedade local. “Aqui vamos debater futuros cursos técnicos, superiores, de curta duração e de pós-graduações, em uma proposta que representa o IFC, mas que terá o norte e o apoio da comunidade local”, disse.

De acordo com a Lei que criou os Institutos Federais no Brasil (Lei nº 11.892, de 28/12/2008), 50% das vagas de cursos devem ser destinadas ao ensino técnico de nível médio (prioritariamente em cursos integrados), 20% para licenciaturas e 30% para as outras modalidades. “Teremos uma escola pronta para que o estudante fique o dia todo no Câmpus São Bento do Sul, pois ele não passa no IFC, ele vive o IFC. O aluno se sente partícipe do Instituto, pois a concepção dos IFs é ingressar no curso técnico e continuar conosco até a pós-graduação”, frisou Sobral.

Para o prefeito Fernando Tureck, São Bento do Sul percebe tudo de bom que o IFC vai trazer para a cidade. “O Câmpus está instalado no Parque Tecnológico e vai somar junto com outras instituições de ensino e pesquisa, além de trazer à nossa cidade alunos e servidores. O papel dos eixos a serem desenvolvidos pelo IFC abordam as necessidades tecnológicas e de inovação como forma de diversificar a qualificação dos profissionais da região”, afirmou Tureck.

Sobral reforçou que o Câmpus São Bento do Sul vai contribuir para o desenvolvimento da região. “Há um ano estávamos lançando a Pedra Fundamental, hoje definiremos áreas para a possibilidade de cursos FIC, técnicos, superiores e pós-graduação. Todo o sucesso do IFC na cidade se deve ao empenho da comunidade, sociedade civil organizada e da administração municipal”, finalizou.

Segundo o diretor-geral do Câmpus São Bento do Sul, a Audiência Pública representa uma terceira etapa do processo de consolidação do IFC na região. “É uma alegria reunir a comunidade local para debater os eixos tecnológicos que nortearão os cursos do IFC em São Bento do Sul”, disse ele. O diretor-geral apresentou o IFC e os estudos feitos na região para ajudar na definição dos eixos a serem desenvolvidos na região.

Após a apresentação do IFC aos presentes, representantes de diversas entidades locais apresentaram propostas importantes que serão levadas em conta no planejamento do Câmpus São Bento do Sul.

O Câmpus

A estrutura do Câmpus São Bento do Sul contará com 12 salas de aula, biblioteca, auditório com capacidade para 200 pessoas, laboratórios específicos conforme a definição dos cursos, refeitório e ginásio de esportes. A área total da unidade, localizada no Bairro Centenário, será de 5.792 m² de área construída e uma área territorial de 42.547,18 mil m². A obra terá um custo total aproximado de R$ 12,5 milhões.

A previsão de conclusão das obras do Câmpus é para o segundo semestre de 2015, com início das aulas previsto para ocorrer no primeiro semestre de 2016.

Mais informações: (47) 9657.1383.

audiencia-publica-SBS (6) audiencia-publica-SBS (5) audiencia-publica-SBS (3) audiencia-publica-SBS (1)

* Texto e fotos: CECOM/Reitoria.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter

Esta notícia foi editada na quarta-feira, 22 de abril de 2015, às 15:01 por Nicole Trevisol.

Últimas notícias: