Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

Comissão de Ética do IFC atua com esclarecimentos durante as posses

comissao-erica (4)Desde 2015, a Comissão de Ética (CE) do Instituto Federal Catarinense (IFC) realiza, durante as cerimônias de posses de servidores (professores e técnicos-administrativos), uma apresentação sobre o funcionamento do setor. O objetivo é informar sobre as atividades desenvolvidas pela CE na instituição, como também conscientizar o servidor sobre os canais de comunicação que estão disponíveis para o seu uso, facilitando, assim, o contato com a Comissão para realizar denúncias, solicitar esclarecimentos, sanar dúvidas etc.

Até o momento, cerca de 200 novos servidores foram contemplados com a ação da Comissão de Ética. A cada nova posse, a Diretoria de Gestão de Pessoas (DGP), por meio da Coordenação de Admissão Cadastro e Movimentação, um espaço é reservado para que a Comissão de Ética realize a sua fala com os servidores empossados.

Segundo um dos membros da CE, Bruno Negrini, essa ação é fundamental para que os novos servidores conheçam a existência da Comissão. “E saibam, principalmente, quais os meios de acesso para se comunicar conosco”, diz ele.

A Comissão de Ética está à disposição por meio do telefone (47) 3331-7825 e ainda pelo e-mail comissaodeetica@ifc.edu.br.

As demandas ou solicitações podem ser enviadas de forma anônima, por documentos ou pessoalmente.

Saiba mais sobre a Comissão de Ética (CE) do IFC

A CE do IFC foi instituída pela Portaria nº 2.012/2012 e está vinculada à Comissão de Ética Pública da Presidência da República. Visa promover a gestão da ética, por meio de orientações, recomendações e esclarecimentos sobre as questões ligadas à conduta profissional de seus servidores.

A missão é pedagógica, atuando de forma preventiva com relação a possíveis desvios de conduta dos servidores da instituição. Contudo, na ocorrência de desvios ou transgressões das normas de conduta, a CE pode adotar procedimentos corretivos através dos instrumentos legais.

A CE é responsável por fornecer ao setor responsável da execução da carreira funcional do servidor registros sobre a conduta ética, com vistas a instruir e fundamentar promoções e procedimentos inerentes à carreira do servidor público. Quando aplicada a sanção de censura ética, além de fornecer a informação ao órgão local, a CE também a remete à CEP da Presidência da República.

*Texto e fotos: Cecom/Reitoria.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter

Esta notícia foi editada na quinta-feira, 4 de agosto de 2016, às 18:12 por Nicole Trevisol.

Últimas notícias: