Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

Estudantes do IFC são premiados na OBMEP

obmepblumenau1

Estudantes do Campus Blumenau.

Com foco no estímulo ao estudo da matemática e na revelação de talentos nesta área, a Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) levou à 11ª edição, ocorrida em 2015, 17.972.333 estudantes a “respirarem” matemática. Ao todo foram 47.580 escolas de 5.538 cidades, abrangendo 99,48% dos municípios brasileiros.

O Instituto Federal Catarinense (IFC) foi uma das escolas a se inscrever na OBMEP, conquistando cinco medalhas:

  • 01 Ouro: HELOÍSA GABRIELA PATERNO, estudante do Campus Rio do Sul;

  • 02 Pratas: THIAGO WEISS, estudante do Campus Blumenau e HIAGO VINICIUS PIOVESAN BAHU, estudante do Campus Luzerna;

  • 02 Bronzes: GABRIEL SICHELERO e ALICE SOLIDONIO COSTA, estudantes do Campus Camboriú.

obmepluzerna3

Estudantes do Campus Luzerna. Da esquerda para a direita: Ciro, Hiago e Cecília.

Essa é a segunda vez que Hiago recebe uma premiação da OBMEP. Na competição de 2014, conseguiu uma Medalha de Bronze. “É uma das matérias de que mais gosto”, diz o aluno de poucas palavras, mas que já vislumbra uma graduação em engenharia como um próximo degrau na vida acadêmica. Também do IFC Luzerna, dois estudantes do 2º ano do Técnico Integrado ganharam Menção Honrosa na OBMEP 2015: Ciro Nagel de Marco e Cecília Paulina Johann Dammann.

No Campus Blumenau, além da premiação de Thiago Weiss, os alunos Eduardo Klein Fabeni, Giulio Giovanella, Guilherme de Liz do Nascimento, Israel Raizer Cruvinel e Natália Stasaitis receberam menção honrosa. Thiago é veterano na Obmep. Em 2010 e 2014, ele também foi medalha de prata, e, em 2013, foi tricampeão (ouro em 2011, 2012 e 2013).

Para a professora de Matemática do Campus Luzerna, Katielle de Moraes Bilhan, a importância da olimpíada vai além. “Ela incentiva não só o gosto por esta disciplina, mas pelo estudo de forma geral. Essas premiações mostram a dedicação dos nossos estudantes. O Hiago, por exemplo, é muito responsável e participa de diversas outras atividades que a instituição oferece”, comenta a professora.

Na tabela de premiação geral por estados, o grande destaque da OBMEP 2015 foi Santa Catarina, que teve 38 medalhistas de ouro (contra 22 no ano passado), ficando atrás somente de Minas Gerais (151), São Paulo (68), Rio de Janeiro (50) e Rio Grande do Sul (45). Ao todo, foram 38 medalhas de Ouro, 94 de Prata, 253 de Bronze e 2.378 Menções Honrosas.

A cerimônia de premiação para os medalhistas de Ouro está prevista para acontecer em maio deste ano no Rio de Janeiro. Já as premiações dos medalhistas de Prata e Bronze é realizada pela Regional Estadual e ainda não tem data definida para ocorrer.

MAIS

A OBMEP é uma realização do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), promovida com recursos do Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovação (MCTI) e do Ministério da Educação (MEC) e conta com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM). A primeira etapa da olimpíada ocorreu em 2 de junho. Na ocasião, os candidatos fizeram uma prova com 20 questões de múltipla escolha. Já a segunda fase ocorreu em 12 de setembro, com um exame composto por seis questões discursivas.

As inscrições para a Obmep 2016 iniciam em 22 de fevereiro.

Mais sobre a OBMEP em http://www.obmep.org.br

*Texto: CECOM/Reitoria. Com informações das CECOMs de Blumenau e Luzerna.

**Fotos: CECOMs Blumenau e Luzerna.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter

Esta notícia foi editada na quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016, às 17:17 pela Coordenação-Geral de Comunicação (Cecom).

Últimas notícias: