Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

Fraiburgo realiza 1º SIIF

image2O IFC Campus Fraiburgo realizará, no dia 24 de setembro, o 1º Simulação das Organizações Internacionais (SIIF), evento organizado pelo Campus Fraiburgo e com participação de alguns campi do IFC. O evento tem como objetivo simular os processos de tomada de decisão dos principais foros de debates de Organizações Internacionais, tais como a Assembleia Geral e o Conselho de Segurança das Nações Unidas. O Projeto visa, ainda, trabalhar com estudantes dos campi do Instituto Federal Catarinense, a fim de fomentar a educação e a cultura dos jovens. Para isso, estimulará a criatividade e a inovação por meio do intercâmbio entre as unidades da instituição e a comunidade.

Na visão do SIIF, a ênfase a práticas como o consumo consciente e à responsabilidade social, e valores como a tolerância e a não discriminação de minorias são meios de desenvolver uma sociedade mais próspera e justa. Tais valores, tão presentes nos princípios das Organizações Internacionais com as quais a SIIF trabalha, estão presentes nos ensinamentos que o evento almeja propagar. O objetivo geral desse projeto é simular os processos de tomada de decisão dos principais foros de debates de Organizações Internacionais, procurando estimular o debate e a reflexão sobre temas de interesse global, incentivar a elaboração de textos, treinar a oratória, promover o aprofundamento de temas pertinentes às provas do Enem e a integração entre alunos dos campi da Rede Federal, e ainda estimular a reflexão sobre a desigualdade no mundo.

Marcelo da Silva, professor de geografia do Campus Fraiburgo e idealizador do evento, afirma que o modelo de simulação de organizações internacionais é realizado por diversas universidades brasileiras e estrangeiras. Nos Estados Unidos, Harvard é considerada a maior organizadora de simulações. Elas são realizadas na própria Assembleia Geral da ONU, em Nova Iorque, e atraem centenas de estudantes interessados não apenas nas temáticas previstas, mas também no funcionamento administrativo da maior organização internacional do mundo. Já no Brasil, a Universidade de Brasília (UnB) é referência nesse projeto. Nas últimas edições, a UnB contou com a participação de mais de 500 pessoas envolvidas, entre alunos e professores.

*Texto e imagem: Divulgação/Fraiburgo.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter

Esta notícia foi editada na terça-feira, 20 de setembro de 2016, às 18:03 pela Coordenação-Geral de Comunicação (Cecom).

Últimas notícias: