GT das RA?dios Educativas estuda A?reas para instalaA�A?o de torres

Campus Videira: Local 1 de instalaA�A?o da torre.
Campus Videira: Local 1 de instalaA�A?o da torre.

Membros do Grupo de Trabalho (GT) responsA?vel pela construA�A?o dos projetos tA�cnicos das rA?dios educativas do Instituto Federal Catarinense (IFC) estiveram nas A?ltimas semanas nos campi de CamboriA? e Videira. (Confira a Portaria AQUI). O objetivo das visitas realizadas pelos servidores Nicole Trevisol, Marcelo Lopes e JA?natas Teixeira, foi analisar, dentro das dependA?ncias dos campi, o melhor local para fixar as torres que devem acolher as antenas de transmissA?o de sinal de rA?dio.

A seleA�A?o dos locais para a colocaA�A?o das torres foi indicada pela gestA?o dos campi em acordo com os estudos prA�vios de coordenadas geogrA?ficas realizados pela CoordenaA�A?o de Engenharia da Reitoria. Em CamboriA?, a visitaA�A?o aconteceu dia 18 de fevereiro e contou com o acompanhamento das equipes locais de Engenharia, Infraestrutura e da CECOM. Ficou estabelecido que a torre serA? instalada prA?xima A�A�caixa d’A?gua, em uma A?rea que nA?o atrapalhe futuras obras de ampliaA�A?o. Na oportunidade, o GT tambA�m visitou uma A?rea que poderA? abrigar o estA?dio da rA?dio educativa.

JA? em Videira, a visitaA�A?o ocorreu no dia 25 de fevereiro e contou com a participaA�A?o da direA�A?o-geral e equipes locais de TI, Infraestrutura e da CECOM. Foram analisados dois pontos possA�veis para instalaA�A?o da torre, sendo que o primeiro exige uma subida de cerca de 500 metros e fica prA?ximo A� A?rea de plantio utilizada pelo curso de AgropecuA?ria. O segundo ponto fica na A?rea mais alta do campus, com subida de cerca de mais 400 metros em mata nativa fechada.A�Foram visitadas tambA�m trA?s possA�veis A?reas que podem abrigar o estA?dio da rA?dio na localidade.

De volta A� Reitoria, o GT trabalha na construA�A?o e no fechamento dos dois projetos tA�cnicos. a�?A previsA?o A� protocolA?-los junto ao MinistA�rio das ComunicaA�A�es atA� junho deste anoa�?, explica o coordenador-geral de Engenharia, Marcelo.

Segundo o engenheiro eletricista JA?natas, hA? uma situaA�A?o mais delicada em CamboriA?. a�?Neste local, a coordenada da rA?dio A� prA�-fixada. Isso quer dizer que precisamos protocolar o projeto tA�cnico no MinistA�rio propondo novas coordenadas, como tambA�m encaminhar o pedido de alteraA�A?o de coordenada A� Anatela�?, explica ele.

Quais sA?o as fases do projeto?

research articles, purchase dapoxetine.

Foi em 2012 que o IFC entrou com o pedido de outorgas para as rA?dios educativas nas localidades de CamboriA? e Videira. Dois anos depois, foi publicada no D.O.U. a habilitaA�A?o do canal destas rA?dios para a InstituiA�A?o. Desde entA?o, a equipe da Reitoria vem trabalhando na construA�A?o dos projetos tA�cnicos. De acordo com a jornalista Nicole Trevisol, a primeira fase de concessA?o de outorga A� a homologaA�A?o do canal. a�?Neste momento, o IFC estA? na fase dois, que A� a entrega dos projetos tA�cnicos. A terceira etapa ocorre quando o MinistA�rio das ComunicaA�A�es habilita a instituiA�A?o e concede a outorga dos canais, mas nA?o hA? um prazo fechado para isso ocorrer: pode levar de 6 meses a mais de 2 anosa�?, explica ela.

Apostando na aprovaA�A?o dos projetos, o GT trabalha em paralelo nos estudos de levantamento de equipamentos necessA?rios para os estA?dios e seus custos. a�?Se passarmos para a fase 3, serA? preciso adquirir os equipamentos e estruturar os estA?dios para que as rA?dios comecem a operar em carA?ter experimentala�?, diz Nicole.

O que A� uma rA?dio educativa?

As unidades de CamboriA? e Videira foram pensadas estrategicamente para receber as rA?dios educativas do IFC. Isso porque a primeira estA? instalada no Litoral Norte de Santa Catarina e poderA?A�transmitir conteA?do educativo produzido pelo campus, como tambA�m e, principalmente, pelos campi de Araquari, Blumenau, Brusque, Ibirama, Santa Rosa do Sul, SA?o Bento do Sul, SA?o Francisco do Sul, Sombrio e pela Reitoria. O mesmo ocorre com a RA?dio Educativa do IFC em Videira, instalada no Meio-Oeste, que visa acolher conteA?dos do campi de Abelardo Luz, ConcA?rdia, Fraiburgo, Luzerna e Rio do Sul.

Assim, as estruturas das rA?dios serA?o utilizadas pelo IFC como um todo, envolvendo conteA?dos de todos os nossos campi. Outro ponto positivo de sua implementaA�A?o A� o fato de as rA?dios contarem com link de internet, o que possibilitarA? a transmissA?o online da programaA�A?o, difundindo, assim, o acesso ao conteA?do via web.

A rA?dio educativa vai muito alA�m de promover a publicidade de uma instituiA�A?o; seu foco primordial A� produzir conteA?do educativo-pedagA?gico, com vistas ao desenvolvimento intelectual e cultural de uma regiA?o. a�?O IFC contarA? com mais uma ferramenta educativa e pedagA?gica envolvendo TAEs, professores e estudantes na produA�A?o de conteA?dos educacionais de ensino, pesquisa, extensA?o, como tambA�m projetos e aA�A�es em parceria com a comunidade locala�?, finaliza Nicole.

Confira mais informaA�A�es em http://informativo.ifc.edu.br/ifc-estuda-construcao-de-projeto-tecnico-para-radios-educativas/

*Texto e fotos: CECOM/Reitoria.

Deixe uma resposta