Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

IFC Concórdia comemora 50 anos com diversas atividades

50anos_concordia3As comemorações dos 50 anos do Câmpus Concórdia iniciaram em maio com a exposição histórica “Memória IFC Câmpus Concórdia: 50 anos de registros”. Fotos e objetos que fizeram parte dessa trajetória foram exibidos até o dia 29 de maio na Galeria Municipal de Artes, nos quiosques centrais de Concórdia. Os visitantes puderam conferir fotografias datadas de 1965 a 2015, ferramentas de campo, equipamentos usados em sala de aula, materiais de expediente, bandeiras, troféus, quadros e convites de formatura. “Não se pode perder a memória da instituição como borboletas ao vento, palavras que voam, pois junto dela sempre há um pouco da memória dos sujeitos que a compõem. As palavras precisam repousar. A memória precisa resistir”, diz o resumo da exposição.

As comemorações seguiram com um almoço realizado no dia 19 de maio entre servidores e estudantes do câmpus. Estudantes e servidores puderam apreciar um prato reconhecido na região, o “porco à paraguaia”, que retrata a cultura e economia local no almoço servido no refeitório do câmpus. À tarde, todos puderam provar um pedaço de bolo produzido pela padaria da instituição. As quatro tortas produzidas serviram também os estudantes da noite e do período matutino.

Mas nem só de refeições é feita a comemoração do aniversário. Antes do corte do bolo, a Banda Marcial do IFC Concórdia executou o “Hino Nacional”. O “Parabéns Crioulo”, com letra de Wilson Paim, foi tocado na gaita pelo servidor Marcelo Darlan Herpich. Além disso, o diretor-geral do câmpus, Jolcemar Ferro, proferiu algumas palavras aos presentes, relembrando a todos da história do câmpus, destacando que hoje ele é referência em ensino gratuito, público e de boa qualidade.

Aniversário marcado por inaugurações

50anos_concordia2A tarde de 21 de maio, uma quinta-feira de tempo bom e agradável, foi um dia fora da rotina para o Instituto Federal Catarinense Câmpus Concórdia. Naquele dia foi realizada a solenidade de inauguração de cinco prédios construídos recentemente, fazendo parte da comemoração dos 50 anos do câmpus. Estudantes, servidores, autoridades, ex-servidores, ex-diretores e egressos acompanharam relatos sobre a história da instituição, bem como o descerramento das placas e cortes de fitas.

Após os presentes acompanharem o Hino Nacional Brasileiro, foi realizada a apresentação de um hino comemorativo aos 50 anos do câmpus, com letra de Gilberto Nilton Silvestre (servidor IFC) e Stanislau Jaguszevski, e música deste.

O diretor-geral do IFC Concórdia, Jolcemar Ferro, leu uma citação da revista Cisne Real, de 1976, onde está escrito que, em 1961, Janio Quadros visitou a cidade e conversou com Atílio Fontana, na época senador da República, do qual ouviu sobre a importância da implantação de uma escola agrícola na região. “O fruto plantado em 1961 floresceu em 1965 e hoje completa 50 anos”, disse Ferro. Ele recordou brevemente a história do câmpus, destacando a passagem para Instituto Federal Catarinense Câmpus Concórdia no final de 2008 e o crescimento que a instituição teve a partir de então. “Aumentamos muito nossa estrutura, aumentamos o número de professores, de técnico-administrativos, de cursos, de alunos atendidos”, relatou.

Em sua fala, o reitor Francisco Sobral lembrou como eram as instalações do câmpus quando foi aluno da escola, em 1978, e comparou-as com a nova biblioteca e auditórios inaugurados. “Além da história das obras físicas, nos interessa também a história da construção do conhecimento”, disse Sobral.

50anos_concordia1As obras inauguradas no dia 21 de maio foram: Auditório Central, com investimento de R$ 1.683.848,12, e o novo prédio da Biblioteca Prof. Armando R. De Oliveira, no valor de 1.221.227,88 – ambos localizados na rua principal do câmpus. Além destas, mais três na rua que dá acesso ao parque do Tecnoeste: um bloco de salas de aula, no qual foram investidos R$ 819.881,89, o Centro de Práticas Clínicas e Cirúrgicas – Bloco I, com valor de R$ 859.079,90, e o Centro de Práticas Clínicas e Cirúrgicas – Bloco II, por R$ 416.162,99. As informações são da diretora de Administração e Planejamento, Delides Lorensetti.

O auditório era um sonho antigo e uma necessidade devido ao crescimento do câmpus, assim como a biblioteca, que tem acervo em crescimento e atualização constante. As salas de aula e centros de práticas atendem às necessidades dos cursos e já estão em funcionamento. O valor total das obras é de R$ 5.000.200,78. Conforme o diretor-geral, somadas as mobílias e equipamentos, esse valor se aproxima de R$ 7 milhões. Após o corte de fita inaugural, servidores atuantes em cada estrutura fizeram uma breve explanação sobre o serviço e tipo de atendimento lá realizado.

Auditório lotado e um show para a história do câmpus

banda_municipal_blumenau 2Um espaço para realizar grandes eventos e receber as mais diferentes manifestações culturais. Esse é o Auditório Central do IFC Concórdia, inaugurado no dia 21 de maio de 2015. Com espaço para 500 pessoas no salão principal, mais dois miniauditórios, o prédio era uma necessidade do câmpus. A instituição conta atualmente com mais de 200 servidores e 1300 estudantes e precisava de um espaço maior que o existente para realizar reuniões, palestras, formaturas, entre outras programações.

Para marcar a primeira vez que o auditório seria usado, o IFC conseguiu trazer, com o apoio de diversas empresas parceiras, a Banda Municipal de Blumenau. A banda é composta por 24 músicos que executam um repertório formado por música popular brasileira, mambo, jazz, rock e populares. Os vocais e as coreografias dão um show à parte. Saxofone, trompete, clarinete, bateria e percussão são alguns dos instrumentos utilizados. O jogo de luz e os efeitos de palco transportaram o público para uma atmosfera musical inédita no câmpus.

banda_municipal_blumenau 1Sob a regência do maestro João Carlos Cunico, o grupo realiza treinamentos diários para elaborar arranjos musicais que visam atender a todos os gostos. A Banda Municipal de Blumenau, coordenada pela Fundação Cultural, foi criada em 1962, com a finalidade de difundir a música clássica e popular através de apresentações de concertos em auditórios e locais públicos da cidade.

Para abrir o show, dois estudantes do IFC Concórdia realizaram uma apresentação com violinos. Os irmãos Eduarda de Souza Ricardo e Saymon Felipe de Souza Ricardo, alunos dos Cursos Técnico em Alimentos e Técnico em Informática para Internet executaram, em dueto, peças clássicas e contemporâneas.

MAIS

canton_publicoPara completar a comemoração dos 50 anos do Câmpus Concórdia, ocorreram duas palestras. A primeira delas foi no dia 22/5, com Luiz Fernando Furlan, que falou sobre a trilogia defendida por Attilio Fontana, seu avô, e a importância que ele dava ao empreendimento. “Ele destacou o dr. Armando, responsável geral pelo fomento da empresa, para dirigir a escola”, conta. Furlan falou ainda da trilogia defendida por Attilio Fontana, que era: O homem, a terra e a técnica. Comparou isso ao IFC, que sintetiza esses três pilares.

No dia 25/5 foi a vez de Neivor Canton falar para estudantes dos cursos técnicos, engenharia de alimentos e agronomia, servidores e convidados sobre “Perspectivas da Agroindústria Catarinense e brasileira”. Canton disse que “o momento das comemorações dos 50 anos do câmpus é uma oportunidade para externalizar o desejo de que vocês sejam profissionais atuantes no agronegócio da região, de Santa Catarina e do mundo”.

Canton organizou a fala em cinco tópicos: dados mundiais e brasileiros voltados à agroindústria; informações de mercado de carnes; fatores de competitividade; tendências de consumo e oportunidades do mercado de trabalho.

Mateada 100% Enem

mateadaifc100enemPara encerrar as comemorações aos 50 anos do Câmpus Concórdia, foi realizada no dia 30/5, na Praça Dogelo Goss, a Rua Coberta, a “Mateada 100% Enem”. O evento, organizado pela comissão de divulgação do processo de ingresso 2016, teve como objetivos integrar os servidores, comemorar os 50 anos do câmpus, celebrar o dia do meio ambiente e, principalmente, divulgar aos cidadãos que a entrada de alunos nos cursos superiores do Instituto Federal Catarinense em 2016 será somente através do Enem/SiSU.

Das 15 às 18h, servidores do IFC estiveram na rua coberta. Familiares e amigos foram convidados a participar, bem como a comunidade em geral que por lá passava. A Banda Marcial do IFC Concórdia, o CTG Pago da Cultura, o servidor Gilberto Silvestre e um grupo de alunos animaram a tarde com músicas e danças. Para as crianças, foram instalados brinquedos, como cama elástica e pula-pula, através do apoio financeiro do Sinasefe. Professores e acadêmicos orientaram os participantes sobre os cursos ofertados na instituição e a modalidade de ingresso.

Na ocasião, foram doadas à comunidade cerca de 1000 mudas de palmeira-leque produzidas no câmpus. A doação ocorreu em função do Dia Mundial do Meio Ambiente, que ocorrerá em 5 de junho. Foi destacada também a realização do Programa “Joga Limpo”, de separação de resíduos, realizado no câmpus.

* Informações e fotos: CECOM/Concórdia.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter

Esta notícia foi editada na quarta-feira, 10 de junho de 2015, às 19:10 pela Coordenação-Geral de Comunicação (Cecom).

Últimas notícias: