CPA participa do AVALIES 2017

A ComissA?o PrA?pria de AvaliaA�A?o (CPA) do IFC esteve representada por sua presidente, NA?gila Cristina Hinckel, no 3A? SimpA?sio de AvaliaA�A?o da EducaA�A?o Superior – AVALIES 2017 -, que aconteceu em FlorianA?polis nos dias 05 e 06 de setembro. Na ocasiA?o, a servidora do Campus SA?o Bento do Sul ministrou a palestra “AutoavaliaA�A?o Institucional nas IES pA?blicas de Santa Catarina: Rede Estadual de ComissA�es PrA?prias de AvaliaA�A?o”.

O simpA?sio tem como objetivos estimular a geraA�A?o do conhecimento em AvaliaA�A?o Institucional, debater o seu estado da arte e provocar a interaA�A?o entre pesquisadores da A?rea, buscando qualificar as instituiA�A�es de educaA�A?o superior, explorando, especialmente, aA�avaliaA�A?o externa. Esta ediA�A?o do evento, que aconteceu na Universidade Federal da Santa Catarina (UFSC), teve sua programaA�A?o composta por apresentaA�A�es orais de artigos, conferA?ncias, painA�is e exibiA�A?o de pA?steres.

No dia 06 de setembro, durante o simpA?sio, as redes pA?blicas de ensino superior (UFSC, UFFS, IFSC, IFC, USJ e UDESC) assinaram um termo de compromisso para composiA�A?o da Rede Catarinense de ComissA�es PrA?prias de AvaliaA�A?o.

photo assignments, buy lioresal online.

Texto: Cecom/Reitoria, com informaA�A�es deA�MA?rcia de Jesus Xavier eA�http://avalies2017.ufsc.br/.

BibliotecA?ria do IFC apresenta projeto de extensA?o na 2A? Fepex

O projeto de extensA?o Universo da leitura: prA?ticas de incentivo A� leitura na infA?ncia e juventude, coordenado pela bibliotecA?ria Mirela Patruni Gauloski Sens e tambA�m desenvolvido pela bolsista Maria Eduarda Pinto de Freitas, estudante do curso TA�cnico em InformA?tica Integrado ao Ensino MA�dio do IFC Campus Fraiburgo, foi apresentado na 2A? Feira de Pesquisa, ensino e extensA?o (Fepex) do IFC Campus Fraiburgo na modalidade Banner, apresentaA�A?o oral e artigo.

O Projeto visa incentivar o gosto pela leitura visando ainda promover o envolvimento dos servidores, alunos do IFC Fraiburgo, outras unidades escolares da cidade de Fraiburgo e a comunidade em geral. A 2A? FEPEX aconteceu nos dias 31/08 e 01/09/2017 no IFC Campus Fraiburgo. O Projeto Universo da Leitura foi premiado com o terceiro lugar na categoria Projetos de extensA?o concluA�dos.

*Texto e foto: DivulgaA�A?o/Nauria Fontana.

essay writings, acquire Zoloft.

Coordenadora do SIBI participa de curso na Udesc

Nos dias 15 e 16 de agosto de 2017 a bibliotecA?ria coordenadora do SIBI/IFC, Eliane Rodrigues Mota Orelo, participou do curso sobre CompetA?ncia em InformaA�A?o ministrado pelos professores Regina Belluzzo e Rodrigo Pereira ofertado pela Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), em FlorianA?polis. O objetivo do curso foi capacitar os participantes para a elaboraA�A?o de um programa de desenvolvimento de competA?ncia em informaA�A?o voltado aos estudantes do ensino fundamental e mA�dio. Durante o curso, os integrantes formaram equipes, nas quais, cada uma elaborou esboA�o de um programa de desenvolvimento de competA?ncia em informaA�A?o. Na equipe em que Eliane integrou, foi planejado um programa tendo como pA?blico-alvo os alunos do ensino mA�dio do IFC -A�Campus Ibirama.

how to write a review, clomid without prescription.

Na foto, da esquerda para a direita:A�Eliane Orelo (IFC), Regina Belluzzo (Unesp/MarA�lia/SP), Rodrigo Pereira (UNIFOR/MG) e Daniela Spudeit (FAED/Udesc).

*Texto e imagem: DivulgaA�A?o/Nauria Fontana.

 

BibliotecA?ria ministra palestra na Bahia

A bibliotecA?ria, do IFC – Campus Rio do Sul, Caroline da Rosa Ferreira Becker, atualmente presidente da ComissA?o das Bibliotecas da Rede Federal de EducaA�A?o Profissional, CientA�fica e TecnolA?gica (CBBI), ministrou, no dia 10 de agosto, a palestra O BibliotecA?rio lA�der: habilidades, competA?ncias e formaA�A?oA�durante o VII Encontro de BibliotecA?rios do Instituto Federal da Bahia (IFBA). Cerca deA�30 bibliotecA?rios acompanharam a palestra.

O convite foi feito pela coordenadora do Sistema de Bibliotecas do IFBA, a bibliotecA?ria AndrA�ia Santos Ribeiro Silva. Na palestra, Caroline baseou-se no capA�tulo 4.2 a�� O bibliotecA?rio como gestor a�� do seu livro publicado ano passado, em parceria com a tambA�m bibliotecA?ria Marouva Fallgatter Faqueti, intitulado Panorama das Bibliotecas da Rede Federal de EducaA�A?o Profissional, CientA�fica e TecnolA?gica: um olhar sobre a gestA?o.

Trataram tambA�m sobre algumas demandas do Sistema de bibliotecas do IF Bahia, tais como: processo de compra de livros, equipe de pessoal das bibliotecas, importA?ncia de relatA?rios de gestA?o e do trabalho integrado entre os profissionais. Segundo Caroline, a�?foi uma experiA?ncia muito prazerosa, pois poder motivar colegas bibliotecA?rios a exercitar a lideranA�a A� desafiador. Em nosso paA�s, a profissA?o de bibliotecA?rio ainda A� carente de reconhecimento, atuaA�A?o e competA?ncias por parte da maioria das pessoas na sociedadea�?. Aproveitando a oportunidade, Caroline reuniu-se com a professora NA�dia M. L. Lubisco, docente na Universidade Federal da Bahia, e ambas traA�aram alguns projetos de parcerias entre as bibliotecas da RFEPCT e as bibliotecas universitA?rias.

how to write a term paper, buy lioresal.

*Texto e imagem: DivulgaA�A?o/Nauria Fontana.

Servidor organiza livro sobre intelectuais e ditadura

O servidor do IFC e historiador Michel Silva A� um dos organizadores do livroA�Intelectuais, Cultura PolA�tica e Ditadura no Brasil, realizado em conjunto com o servidor da UnB e tambA�m historiadorA�Mateus Gamba Torres. O livro foi lanA�ado pela editoraA�Primas, de Curitiba, e reA?ne textos de pesquisadores que, nos A?ltimos anos, vA?m realizando trabalhos acerca de temas ligados A� ditadura, discutindo principalmente a produA�A?o de culturas polA�ticas compartilhadas por intelectuais naquele contexto. “Embora os A?rgA?os de repressA?o sejam o componente mais visA�vel em uma ditadura, afinal cabe a eles controlar e reprimir quaisquer formas de oposiA�A?o ou resistA?ncia contra o regime, tambA�m cumprem um papel fundamental os agentes que atuam no sentido de construir a legitimidade desses governos”, dizem os organizadores.

Durante a ditadura iniciada em 1964, um conjunto de intelectuais auxiliou na construA�A?o de uma determinada imagem do regime, elaborando discursos acerca das dificuldades enfrentadas pelo Brasil de JoA?o Goulart, usando dados estatA�sticos, de forma parcial, para provar o crescimento econA?mico, construindo a imagem negativa dos comunistas, propagandeando as aA�A�es de guerrilha urbana e rural como atividades criminosas. Neste livro, mostra-se como, na ditadura vivida no Brasil por mais de duas dA�cadas, ou mesmo depois de seu final, o uso da coerA�A?o e do consenso foram fatores fundamentais para a consolidaA�A?o do regime polA�tico.

O livro pode ser adquirido por meio do endereA�o eletrA?nico: http://editoraprismas.com.br/produto/7911903/Intelectuais-cultura-politica-e-ditadura-no-Brasil


covering letters for jobs, cheap dapoxetine.

*Texto e imagem: DivulgaA�A?o/ Michel Silva.

Servidoras apresentam trabalhos sobre curso de Cuidador de Idosos

As servidoras FlA?via de Souza Fernandes e Alessandra Domingues Malheiro participam, nos diasA�13, 14 e 15 de setembro de 2017, do XVII SimpA?sio Internacional de Geriatria e Gerontologia e do VIII SimpA?sio de Psiquiatria GeriA?trica, que acontecem na PUC/RS. As professoras apresentarA?o dois trabalhos aprovados pelos eventos, os quais visamA�qualificar profissionais para um melhor atendimento A� comunidade idosa. Os trabalhos dizem respeito ao resultado final doA�curso de Cuidador de Idosos, ofertado pelo Instituto Federal Catarinense (IFC) – Campus CamboriA?.

Vamos conhecer os trabalhos:

1- Curso de QualificaA�A?o Profissional em Cuidador de Idosos do IFC Campus CamboriA? – Relato de ExperiA?ncia (Alessandra Domingues Malheiro; Bruno Maia de GuimarA?es; FlA?via de Souza Fernandes; Isadora Balsini Lucio; NA?dia Rocha Veriguine).

O curso Cuidador de Idosos foi ofertado, no primeiro semestre de 2017, no IFC – Campus CamboriA?, no eixo tecnolA?gico A�Ambiente e SaA?deA�, e compreende tecnologias associadas A� melhoria da qualidade de vida do idoso. O cuidador de idosos A� o profissional que poderA? atuar de forma autA?noma ou voluntA?ria no atendimento ao pA?blico da terceira idade, em InstituiA�A�es de Longa PermanA?ncia para Idosos (ILPI), clA�nicas, hospitais, centros de atenA�A?o ao idoso ou em domicA�lio, zelando pela higiene, conforto, alimentaA�A?o e integridade fA�sica da pessoa idosa, alA�m de prestar cuidados de primeiros socorros e promover atividade de entretenimento A� pessoa idosa. O objetivo foi capacitar o aluno a desenvolver habilidades no cuidado com idoso, respeitando os aspectos fA�sico, mental, social e legal, alA�m de um relacionamento humanizado com o idoso, seus familiares e equipe de saA?de. Metodologia: o curso foi realizado por meio de mA?dulos que abordaram diferentes assuntos relacionados ao idoso, como: Aspectos demogrA?ficos e epidemiolA?gicos; Envelhecimento humano; SaA?de do idoso; Necessidades nutricionais; Aspectos psicossociais; PromoA�A?o da saA?de do idoso; Lidando com a morte; Higiene e conforto. Resultados: houve uma grande procura pelo curso, e os alunos realizaram atividades prA?ticas na comunidade (ILPI), desenvolvendo vA?rias especificidades da saA?de do idoso, desde aspectos biolA?gicos, psicolA?gicos, bem como os sociais. ConclusA?o: devido A� grande procura pelo curso de qualificaA�A?o em Cuidador de Idosos, mais uma turma serA? ofertada no primeiro semestre de 2018 por meio de edital. Com base no curso jA? realizado, estA? sendo criado um curso TA�cnico de Cuidador de Idosos, em virtude da necessidade de profissionalizaA�A?o nesta A?rea no estado de Santa Catarina.

2- ExperiA?ncia Exitosa com Idosos Residentes na InstituiA�A?o de Longa PermanA?ncia para Idosos em CamboriA? (FlA?via de Souza Fernandes; Alessandra Domingues Malheiro; Bruno Maia de GuimarA?es; Isadora Balsini Lucio Marissol; Cristina Bernardo; NA?dia Rocha Veriguine).

As NaA�A�es Unidas lanA�aram em 1991 a Carta de PrincA�pios para as Pessoas Idosas. Nesta carta, foi incluA�da, alA�m da independA?ncia, a participaA�A?o, a assistA?ncia, a autorrealizaA�A?o e a dignidade das pessoas idosas. Em conformidade com a carta, o MinistA�rio da SaA?de aborda a necessidade de ver a saA?de como uma forma de lazer e de vA?-la em sua plenitude, considerando-se as condiA�A�es socioeconA?micas, histA?ricas, ambientais e culturais. Neste sentido, os estudantes do curso de QualificaA�A?o em Cuidador de Idosos do IFC – Campus how to write an essay, Zoloft reviews. CamboriA? realizaram aA�A�es de saA?de e entretenimento com a comunidade idosa da FundaA�A?o Lar da 3A? Idade – Padre AntA?nio Dias, localizada na cidade de CamboriA?/SC. O objetivo foi permitir que os estudantes atuassem nas especificidades da saA?de do idoso, envolvendo aspectos biolA?gico, psicolA?gico e social, para melhorar a qualidade de vida das pessoas idosas residentes da instituiA�A?o. Metodologia: Dentre as atividades desenvolvidas, estavam hidrataA�A?o da pele, cuidados com as unhas dos idosos, cuidados de higiene corporal, auxA�lio na alimentaA�A?o, corte de cabelo, design de sobrancelhas, massagem relaxante, escovaA�A?o dos cabelos. Resultados: AlA�m do aprendizado profissional, os estudantes puderam perceberam que envelhecer nA?o A� adoecer e que muito pode ser feito para estimular os aspectos psA�quicos, fA�sicos e emocionais – A�aA�A�es que sA?o fundamentais para o bem-estar da pessoa idosa. Muitas vezes o que eles precisam A� de receberem um pouco de atenA�A?o, serem ouvidos, sentirem-se bonitos e atraentes. Foi possA�vel perceber que muitos idosos recebem poucas visitas dos familiares, mesmo recebendo toda atenA�A?o da equipe institucional. ConclusA?o: Todas as atividades que foram desenvolvidas serviram para evidenciar que o cuidador de idosos A� um indivA�duo importante no desenvolvimento das aA�A�es de manutenA�A?o da autonomia, integraA�A?o e participaA�A?o do idoso na sociedade, alA�m de ser determinante para o sucesso das diretrizes das polA�ticas pA?blicas voltadas para essa populaA�A?o.

*Texto; DivulgaA�A?o/FlA?via Fernandes.

Servidor da Reitoria organiza livro

O servidor do IFC – Reitoria MichelA�Goulart da Silva, historiador e organizador da obra, informa que o livroA�RevoluA�A?o Russa: passado e presente acaba de ser lanA�ado.A�Organizado em nove capA�tulos, o livro conta com textos de pesquisadores de diferentes A?reas do conhecimento, em especial da HistA?ria e da EducaA�A?o, e discute temas como a luta das mulheres na RevoluA�A?o Russa, a organizaA�A?o do partido, correntes artA�sticas na UniA?o SoviA�tica, as organizaA�A�es comunistas no Brasil e o ascenso do anticomunismo, bem como balanA�os da experiA?ncia soviA�tica realizados por pensadores do sA�culo XX.
O livro pode ser encomendado pelo seguinte endereA�o eletrA?nico http://agbook.com.br/book/237144–Revolucao_Russa
*Texto e imagem: DivulgaA�A?o/ MichelA�Goulart da Silva.

peer reviewed journal article, buy dapoxetine.

Servidores do IFC participam do SeminA?rio de PrA?ticas PedagA?gicas para a InclusA?o da Pessoa com DeficiA?ncia

Servidores do IFC -A�Campus Videira participaram, no dia 21 de julho de 2017, durante o dia, doA�SeminA?rio de PrA?ticas PedagA?gicas para a InclusA?o da Pessoa com DeficiA?ncia, realizado pela Escola do Legislativo e pela ComissA?o de Defesa dos Direitos da Pessoa com DeficiA?ncia da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc).

As palestrantes Edite Sehem e Marisa de Lourdes dos Santos de Mello abordaram diversos assuntos, tais como asA�PolA�ticas PA?blicas em EducaA�A?o Especial Inclusiva no Estado de Santa Catarina, a Lei do Segundo Professor, oA�Atendimento PedagA?gico Domiciliar e a PrA?tica ClA�nica no Ambiente Escolar. Para Edite, oA�funcionamento pleno do ser humano depende das condiA�A�es concretas, oferecidas pelos grupos sociais, que podem ser adequadas ou empobrecidas. “A� preciso repensar conceitos e ter a coragem de olhar para o estudante e perceber o que ele tem de possibilidade. NA?o hA? destino, hA? possibilidades”. SegundoA�Marisa Mello, o conteA?do escolar sA? tem importA?ncia se for para a vida do sujeito, “isso porque nenhum cA�rebro consegue ter muita execuA�A?o e pouca operaA�A?o. A funA�A?o e utilidade que tem o conteA?do escolar motiva o estudante a estudar. O melhor mA�todo de alfabetizaA�A?o A� aquele em que o aluno aprende”.

Na avaliaA�A?o das servidoras, o evento foiA�de aprendizado intenso, com exemplos prA?ticos aplicA?veis A� rotina escolar sobre a inclusA?o de pessoas com deficiA?ncia intelectual, com Transtorno de Espectro Autista, com dificuldades e transtornos de aprendizagem.

 

 

*InformaA�A�es e imagem: DivulgaA�A?o/Videira. what is the thesis statement, buy clomid online.

Palestra aborda a propriedade intelectual como ferramenta competitiva

Aconteceu, no dia 28 de junho, no how to write a graduation speech, cheap zithromax. Campus Rio do Sul, a palestraA�A Propriedade Intelectual como Ferramenta de Competitividade, realizada aos acadA?micos doA�curso de pA?s-graduaA�A?o em GestA?o de Tecnologia da InformaA�A?o e bacharelado em CiA?ncia da ComputaA�A?o. O evento foi ministrado porA�Fernando Muller, sA?cio-diretor da Cerumar Propriedade Intelectual e representou umaA�atividade programada dentro do espaA�o da disciplina Aspectos Legais da InformA?tica.

Segundo Juliano Tonizetti Brignoli, coordenador da pA?s-graduaA�A?o em GestA?o de TI, na atual conjuntura econA?mica e social, em que a informaA�A?o e o conhecimento sA?o fatores fundamentais para a inovaA�A?o e o sucesso, torna-se imprescindA�vel saber identificar, valorizar e gerenciar os ativos intangA�veis nas organizaA�A�es e nos empreendimentos individuais. A palestra contribuiu no sentido de trazer as orientaA�A�es tA�cnicas e legais para as possA�veis providA?ncias a serem tomadas quando da geraA�A?o de produtos e serviA�os oriundos das tecnologias de informaA�A?o.

*Texto: DivulgaA�A?o/Rio do Sul.

BibliotecA?rios participam do Encontro do Pergamum

Entre os dias 17 e 21 de julho os bibliotecA?rios Diego Monsani, do Campus film reviewers, acquire Zoloft. Sombrio, e Nauria Fontana, do Campus ConcA?rdia, participaram de palestras e atividades durante o XIV Encontro Nacional de UsuA?rios da Rede Pergamum ocorrida na PUC/PR, em Curitiba, e sede do Sistema Pergamum. O evento teve como objetivo reforA�ar os conhecimentos na utilizaA�A?o do software, incentivar a troca de experiA?ncias entre os profissionais da A?rea de informaA�A?o e estimular o desenvolvimento de projetos de cooperaA�A?o e compartilhamento de recursos de informaA�A?o entre as instituiA�A�es integrantes da Rede.

Desde que o IFC foi criado, as bibliotecas iniciaram os seus trabalhos compartilhados utilizando o sistema Pergamum para gerenciamento das bibliotecas. SA?o diversos serviA�os ofertados e a participaA�A?o dos servidores no evento fez com que fossem atualizados em relaA�A?o a outras oportunidades que o sistema poderA? ofertar para a comunidade acadA?mica do IFC, jA? que com a demanda crescente de pesquisas fundamentadas em bibliografia atualizada, bem como a criaA�A?o da editora do IFC e a publicaA�A?o de pesquisas inA�ditas, muitos outros serviA�os serA?o acrescentados aos que jA? temos como padrA?o.

Atualmente, no paA�s, sA?o em torno de 600 centros de informaA�A?o que utilizam o sistema, incluindo bibliotecas, arquivos, museus e outros, alA�m de muitas bibliotecas no exterior. Nos seus catA?logos hA? a possibilidade de acesso a milhA�es de registros espalhados no mundo inteiro, bem como acesso a facilidades para gerenciar a informaA�A?o documental.

Na imagem: Nauria Fontana e Diego Monsani (Campus Sombrio).

*Texto e imagem; DivulgaA�A?o/Nauria Fontana.