Com vasta programaA�A?o, criatividade e interaA�A?o, Campus Luzerna realiza VI Secitec

Compromisso, participaA�A?o e engajamento acadA?mico sA?o caracterA�sticas que marcaram a VI Semana de CiA?ncia e Tecnologia (Secitec), realizada noA�CampusA�Luzerna de 27 a 30 de setembro. Colhendo os frutos pelos seis anos de experiA?ncia na realizaA�A?o da Secitec, oA�campusA�orgulha-se desta ediA�A?o do evento que foi recorde tanto na submissA?o de projetos quanto na oferta de palestras, oficinas e variedade de temas contemplados na programaA�A?o.

A noite de abertura do evento foi realizada na quarta-feira (27), no auditA?rio do Centro de Eventos SA?o JoA?o Batista, onde alunos e servidores lotaram a casa para prestigiar a palestra proferida pelo professor FA?bio Xavier, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Entre as discussA�es da palestra inaugural estiveram presentes reflexA�es a respeito do papel das InstituiA�A�es Federais de Ensino no contexto de produA�A?o do conhecimento, da ciA?ncia e do desenvolvimento regional.

A abertura do evento contou com a participaA�A?o da magnA�fica reitora do IFC, professora SA?nia Fernandes, do diretor-geral e do diretor de ensino doA�CampusA�Luzerna, professores Eduardo Butzen e JessA� de Pelegrin, respectivamente. A reitora parabenizou a equipe que organizou a Secitec e destacou a importA?ncia doA�CampusA�Luzerna para o desenvolvimento da educaA�A?o e da formaA�A?o dos estudantes. a�?Nosso principal objetivo sA?o os estudantes; A� por eles que estamos aqui e dedicamos todos os esforA�os. Nesse sentido vejo que oA�CampusA�Luzerna cumpre bem o seu papel de fomentar a ciA?ncia, a tecnologia e o desenvolvimento regional, proporcionando aos alunos eventos como estea�?.

O diretor-geral Eduardo Butzen ressaltou que a unidade consolidou a Secitec como o evento mais importante da instituiA�A?o. a�?A Secitec tem carA?ter de fechamento do ano de trabalho com a apresentaA�A?o dos projetos de Ensino, Pesquisa e ExtensA?o. Temos a satisfaA�A?o de ver o amadurecimento deste evento que se consolida com um recorde na submissA?o de trabalhosa�?, destaca.

O diretor-geral tambA�m falou sobre a importA?ncia da relaA�A?o dos Institutos Federais com o mercado e a indA?stria. a�?A formaA�A?o cidadA? vai muito alA�m do mercado, mas nA?o podemos fechar os olhos para as questA�es de subsistA?ncia, por isso, temos o papel de atuar em consonA?ncia aos Arranjos Produtivos Locais (APLs), buscando aproximar a realidade dos estudantes ao que ocorre no mundo do trabalhoa�?, defende.

ProgramaA�A?o diversificada

ApA?s a cerimA?nia de abertura o evento seguiu trazendo inA?meras atividades simultA?neas, todas gratuitas, que contribuA�ram para enriquecer o repertA?rio dos participantes.

Na quinta-feira pela manhA?, os estudantes fizeram apresentaA�A�es em formato de pA?ster, atividade em que os projetos de ensino, pesquisa e extensA?o sA?o resumidos e explicados pelos alunos, que demonstram seu potencial acadA?mico, criativo e cientA�fico e ficam A� disposiA�A?o da comunidade interna e externa para compartilhar suas experiA?ncias acadA?micas. AlA�m da apresentaA�A?o em pA?ster, estudantes e professores realizaram apresentaA�A�es orais em banca, na forma de resumo expandido.

Na avaliaA�A?o de JessA� Pelegrin, diretor do departamento de Ensino do Campus Luzerna, a Secitec A� fundamental na vida estudantil. a�?A� o momento de apresentarmos os resultados obtidos nos trabalhos desenvolvidos em sala de aula, projetos de pesquisa, extensA?o e ensino a toda a comunidade. TambA�m A� um momento no qual conseguimos mostrar para os nossos alunos a realidade da indA?stria, com palestrantes atuantes no mercado de trabalho que trazem e compartilham suas vivencias internacionaisa�?, destacou.

A percepA�A?o dos estudantes

Ao longo de todo o evento, foram apresentados 32 trabalhos em pA?steres, 31 apresentaA�A�es orais em banca e 40 atividades entre minicursos, oficinas, palestras e atA� um importantA�ssimo fA?rum sobre acessibilidade.

Alisson Coelho, estudante do 2A? ano do Ensino MA�dio Integrado ao TA�cnico em AutomaA�A?o Industrial participou da Secitec como apresentador de trabalho pela primeira vez. a�?A forma de apresentaA�A?o A� o que mais gostei: um fluxo contA�nuo de pessoas transitando pelos trabalhos dA?o carA?ter dinA?mico A�s mostras de projetos do campusa�?.

a�?RobA?tica PedagA?gicaa�? foi o tema do projeto de extensA?o do aluno Matheus Lacerda, do curso de Engenharia de Controle e AutomaA�A?o. O objetivo do trabalho foi desenvolver uma aA�A?o extensionista em parceria com a a�?OperaA�A?o Caminhos do Sula��, vinculada A� Universidade do Estado de Santa Catarina. a�?Foi um projeto que nos tirou de nossa zona de conforto, enquanto pesquisadores, e levou-nos a trabalhar com um pA?blico que nA?o A� comum ao nosso dia a dia. Levamos tambA�m algo novo para crianA�as do 1A? ao 5A? ano daA�rede bA?sica e foi incrA�vela�?, conta.

Os estudantes, do 3A? ano do Ensino MA�dio Integrado ao TA�cnico em SeguranA�a do Trabalho, Joana Filipini e Marciano Biava participam da Secitec hA? trA?s anos e avaliaram a importA?ncia do evento em sua trajetA?ria de formaA�A?o no IFC. a�?A� um momento importante que dA? visibilidade aos projetos doA�campus, tambA�m A� importante para nossa formaA�A?o, pois, como estamos saindo do ensino mA�dio, jA? foi possA�vel vivenciar experiA?ncias de apresentaA�A?o e produA�A?o cientA�fica que poderA?o ser diferenciais em nossa inserA�A?o no ensino superiora�?, comenta Joana. a�?Para nA?s, A� um momento tambA�m de conhecer internamente o que A� produzido noA�campus, algo que, na correria do dia a dia, nA?o percebemos de fatoa�?, avalia Marciano.

A exposiA�A?o de pA?steres foi acompanhada tambA�m por servidores tA�cnico-administrativos doA�campusA�a�� muitos dos quais atuaram como avaliadores -, bem como por docentes a�� tanto avaliadores como orientadores dos projetos a�� que aproveitaram o momento para trabalhar com os estudantes elementos de comunicaA�A?o e postura diante de situaA�A�es cotidianas do universo acadA?mico.

O professor de sociologia doA�CampusA�Luzerna, Antonio Cavalcante, falou sobre o a�?climaa�� da VI Secitec. a�?A� possA�vel sentir a ansiedade, a efervescA?ncia da gurizada! Em uma manhA? como hoje, de cA�u cinzento, tudo leva a um estudo mais intimista, com pA?steres que simplificam o que acontece em nosso dia a dia, com diversos temas, tais como suicA�dio, redaA�A?o de softwares modernos, fungos, etc. a�� um reflexo de uma comunidade plural de pesquisaa�?.

Ampliando horizontes

Com cursos nos nA�veis mA�dio, tA�cnico e superior, nas A?reas de AutomaA�A?o Industrial, MecA?nica e SeguranA�a do Trabalho, oA�CampusA�Luzerna nA?o se limita A� formaA�A?o tecnicista, mas busca valorizar temas transversais, que subsidiem os estudantes com informaA�A?o crA�tica e de qualidade.

Um bom exemplo dos temas transversais presentes na Secitec foi a palestra a�?Climatologia dos desastres socionaturais em Santa Catarinaa�?, ministrada pelo professor Pedro Murara, da Universidade Federal da Fronteira Sul, de Erechim (UFFS). Na ocasiA?o, o professor colaborou para esclarecer conceitos relacionados A� climatologia de SC e A�s adversidades atmosfA�ricas a�� perturbaA�A�es que caracterizam o estado, como tempestades, tornados, deslizamentos, estiagem, geadas, neves e furaA�A�es.

A Secitec tambA�m foi palco de uma interessante atividade desenvolvida pelos servidores Giordana Caramori, Ana Colla e Diego de Lima. Voltada ao diA?logo interno entre colegas, a atividade reuniu tA�cnicos e professores na manhA? da sexta-feira (29), com o objetivo de conversar a respeito de direitos e deveres no serviA�o pA?blico.

writers workshops, buy dapoxetine online.

A principal questA?o discutida diz respeito A� importA?ncia do diA?logo para resoluA�A?o de conflitos no prA?prioA�campus. Os servidores apresentaram alguns dados relativos A� abertura de Processo Administrativo disciplinar (PAD), especialmente ao elevado custo de tais processos que oneram o Estado sem necessidade, sendo que a maioria dos problemas poderiam ser resolvidos a�?em casaa�?, com mais harmonia, menos transtorno e menos custo para todos.

FA?rum de discussA?o sobre Acessibilidade

A Secitec abrigou ainda um fA?rum que teve como objetivo debater os a�?desafios para a inclusA?o, suas ferramentas e a necessidade de inovaA�A?oa�?.

Estiveram presentes no fA?rum Taciana Almeida, terapeuta ocupacional da FundaA�A?o Catarinense de EducaA�A?o Especial; Marcelo Bradacz Lopes, servidor do IFC Reitoria; a professora MA?rcia Schuler, arquiteta e docente do curso de SeguranA�a do Trabalho do IFC Videira; os professores MarinA?s Kerber e AndrA� Sturion, integrantes do Centro de Treinamento de cA?es-guia doA�CampusCamboriA?, a servidora pA?blica TaA�za de Almeida e integrantes da AssociaA�A?o Regional dos Atletas com DeficiA?ncia e da AssociaA�A?o Camponovense de Apoio aos deficientes auditivos e visuais (Acadav).

Confira o A?lbum completo de fotos da Secitec clicando aqui.

Texto e fotos: Jornalista Juliana Bauerle Motta com colaboraA�A?o de Andrizza Becker e Geovana Antunes.

 

Deixe uma resposta