Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

Inep cria rede de certificadores para atuação nos dias de provas do Enem

inepServidores públicos do Poder Executivo Federal de todo o país têm a oportunidade de atuar, este ano, na aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), que realiza o exame, abriu processo seletivo para interessados em trabalhar no monitoramento e controle nos dias de provas — 24 e 25 de outubro próximo.
De acordo com o Edital de chamada pública nº 10 de 26 de junho, em anexo, publicado no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 29, podem participar do processo seletivo servidores do Executivo federal regidos pela Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990, desde que não estejam de licença, em afastamento ou inativos. Os interessados em compor a rede também não podem ter parentes de segundo grau, cônjuges ou companheiros participantes no Enem.
A expectativa do Inep é reunir entre 20 e 25 mil servidores para integrar a Rede Nacional de Certificadores (RNC). Como remuneração, os aprovados receberão a gratificação por encargos de cursos ou concursos (GECC), com carga horária de oito a 12 horas por dia — o valor da hora de atuação será de R$ 39,15. Os selecionados atuarão exclusivamente sob a orientação do Inep, nos locais de aplicação do exame.
Os candidatos podem conferir as condições de participação e fazer as inscrições na página da Rede de Certificadores na internet (http://certificadores.inep.gov.br).

Edital n10 26062015/RNC AQUI.

* Texto: Divulgação.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter

Esta notícia foi editada na quinta-feira, 2 de julho de 2015, às 16:47 pela Coordenação-Geral de Comunicação (Cecom).

Últimas notícias: