Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

Concerto didático com Nicolás Ciocchini no IFC

 Na segunda-feira, dia 20 de março, o músico argentino Nicolás Ciocchini apresentou um concerto didático no auditório do IFC – Campus São Francisco do Sul, intitulado Viola mía, una aproximación al Tango desde la guitarra y la voz.

Na ocasião, mais de cem pessoas aprenderam um pouco mais sobre gêneros musicais platinos como o tango e a milonga, exemplificados ao vivo pelo artista através de diferentes canções do passado e do presente. No repertório, apareceram desde Mi noche triste (Pascual Contursi/Samuel Castriota, 1917), considerado o primeiro tango-canção da história, até composições atuais como Cantaba tangos (Limón García/Pepe Céspedes, 2010), passando pela obra de Atahualpa Yupanqui e demais payadores, como Gavino Ezeiza e Angel Villoldo.

A aluna Beatriz Wust, do curso técnico em Guia de Turismo Integrado ao Ensino Médio, destacou a importância da atividade, pois o artista conseguiu demonstrar os temas propostos ao vivo, tornando a experiência de aprendizado sobre a música e a língua espanhola mais significativa. Além disso, reconheceu que oportunidades raras como essa devem ser valorizadas e realizadas com mais frequência.

Aline Caroline, também estudante do curso de Guia de Turismo, elogiou a afinação e a apresentação do artista, que executou as músicas com grande habilidade. Também comentou que a atividade auxiliou na aprendizagem da língua espanhola, pois exercitou no momento sua habilidade de compreensão do idioma durante a explicação do músico no concerto didático.

A professora Camila de Carli, de Língua Portuguesa e Língua Espanhola, disse que essa foi mais uma ação que deu certo. “O concerto musical proporcionado pelo IFC foi de grande valia para a comunidade interna e externa. Além da boa música e da cultura apresentadas de maneira muito didática, um dos objetivos também foi atingido: sensibilizar, especialmente os alunos, sobre o estudo, a compreensão e a importância da língua espanhola no mundo atual, além de aproximar as culturas.”

A atividade foi viabilizada através de recursos do Ministério de la Cultura (Presidencia de La Nación, Argentina) e contou com o apoio de Lepick Produções, Música Esparsa e Instituto Federal Catarinense (IFC).

*Texto: Icaro Bittencourt.

**Vídeo: Fernando Stahelin, 2º ano do Médio Integrado em Tec. de Administração.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter

Esta notícia foi editada na sexta-feira, 31 de março de 2017, às 19:46 pela Coordenação-Geral de Comunicação (Cecom).

Últimas notícias: