Estudantes lotam sala em dia de Colóquio dos cursos subsequentes

Olhos atentos voltados a um tema atual: Energia Solar: Panorama e Tecnologias. A palestra, que foi ministrada pelo professor Alan Ricardo Sparemberger, integra o 1º Colóquio dos Cursos Técnicos Subsequentes de Mecânica e Eletromecânica do Campus Blumenau. O encontro ocorreu na noite de quarta-feira (20/06), na sala D4 do campus, que ficou pequena para o grande público.

Para o aluno de Eletromecânica Marino Vanzuita, a energia solar é promissora, pois abre novos horizontes em relação ao futuro do planeta. “Esse assunto agrega na formação e também em minha carreira profissional, pois tenho uma empresa que atua na área elétrica, e tenho interesse em trabalhar com energia solar fotovoltaica, e assim ajudar a expandir essa forma de energia renovável e sustentável”, contou Vanzuita.

O tema atraiu também estudantes de outros cursos do campus. Foi o caso do acadêmico de Engenharia Elétrica Igor Henrique Firmino de Deus, que achou a palestra esclarecedora. “Há campos para explorarmos em energias sustentáveis. Temos consciência disso, mas não sabemos de que maneira lidar. Com a palestra, descobri que há muito para se trabalhar, inclusive em projetos. Conhecer os sistemas e os valores reais e atualizados do uso de nossa energia removeu o limite mental, de que energia solar é apenas na telha e inviável”, observou ele.

O Colóquio faz parte de um projeto de ensino. Um dos objetivos é desenvolver o interesse dos estudantes em participar de encontros e debates voltados a temas multidisciplinares. Esta é a segunda palestra do Colóquio. A primeira ocorreu em abril, e debateu a harmonia entre Ciência e Religião. A terceira e a quarta palestra estão programadas para setembro e novembro.

Texto/Fotos: Cecom/Blumenau / Gisele Silveira

Blog sobre Língua e Literatura é ferramenta de apoio e incentivo à leitura

Há seis anos os professores de Língua Portuguesa e Língua Estrangeira do Instituto Federal Catarinense (IFC) Campus Videira alimentam o Blog chamado “Língua e Literatura na Rede”. Trata-se de uma ferramenta que serve como aliada à dinâmica de sala de aula e cujo objetivo é criar mecanismos que favoreçam o desenvolvimento das habilidades linguísticas dos estudantes.

Inicialmente o Blog chamava-se apenas “Literatura na Rede”, mas, a partir deste ano, os professores decidiram ampliar a temática abordada. “Agora, além das questões de Literatura, ele serve a toda a área de Linguagens, ou seja, tratamos também de temas relacionados à Gramática e Língua Estrangeira. Através do Blog, divulgamos trabalhos dos alunos, dando uma finalidade muito maior às produções que antes eram destinadas apenas ao professor. O Blog também funciona como ponte entre a comunidade externa e as atividades desenvolvidas pelos alunos”, explica a professora de Língua Portuguesa do IFC Videira, Adriana Hoffmann.

Além disso, o Blog contém material didático atualizado complementar às aulas com foco no êxito do estudante. A professora explica que o meio virtual amplia a capacidade de atualização, intercâmbio e aprendizado. “Como o espaço da aula muitas vezes é curto, principalmente para a disciplina de Língua Estrangeira (apenas uma aula por semana), o Blog vem proporcionar suporte às atividades de ensino do horário regular, por meio da divulgação de textos, atividades resolvidas e material didático alternativo”, comenta.

O Blog vai além do suporte às atividades escolares e se constitui em um importante repositório de materiais, textos e compartilhamento de experiências literárias. O espaço também é destinado para que alunos, professores e técnicos administrativos possam comentar as publicações e indicar leituras uns para os outros, condensando em um único espaço a diversidade de possibilidades que a área de Linguagens promove.

Gostou? Acesse aqui, leia e participe.

Texto e arte: Cecom/Videira / Juliana B. Motta Peretti

Aliança entre aprendizado e diversão marcaram a realização da 5ª SCI

Foram três dias de muitas atividades que envolveram estudantes, professores e palestrantes externos que vieram ao Instituto Federal Catarinense – IFC Campus Videira compartilhar sua expertise no ramo. A Semana Acadêmica da Computação e Informática (SCI) foi realizada de 12 a 14 de junho e teve como ponto central a aproximação entre jogos, brincadeiras e exposição de muito conteúdo, técnicas, conhecimento e intercâmbio de experiências. Foram 24h de atividades distribuídas em três dias, 10 oficinas, seis palestras e 20 jogos.

A estudante Talhia Rathje do 1º ano do curso de Informática Integrado ao Ensino Médio gostou muito de todas as atividades, principalmente do concurso de Cosplay, realizado na quinta-feira (14), último dia do evento. “Os professores falaram sobre o evento e nos passaram sobre as atividades que poderíamos participar. A semana teve não apenas jogos como RPG, Xbox e Playstation, mas também jogos de tabuleiro e o concurso de Cosplay, em que os alunos tinham que se vestir de um personagem de desenho ou um jogo que eles gostassem e isso foi muito divertido”, elogiou a estudante.

O professor Kennedy Araújo, organizador do evento, que leciona nos cursos de Informática e Ciência da Computação, conta que um dos diferenciais desta edição foi integrar os discentes com a própria organização do evento. “Criamos atividades, nas quais os alunos do técnico e do superior pudessem partilhar da mesma experiência. Outro ponto foi que nesta edição a semana foi materializada como um campeonato entre as turmas do curso técnico em informática, contando com atividades próximas da área mas que também tivessem um carácter espirituoso”, comentou.

O professor destaca ainda que durante o evento os alunos tiveram a oportunidade de conhecer assuntos que não são vistos dentro do curso. “Os estudantes podem ter contato com a ótica de pessoas de fora da instituição sobre a área da Computação. Ademais, para além de toda parte tecnológica, a interação com os outros alunos propicia momentos em que eles podem interagir com colegas de diferentes fases, fomentando um ambiente no qual se estabeleçam parcerias”, complementa Kennedy Araújo.

O técnico em TI do Campus Videira, Tiago Heinek, que foi jurado no concurso de Cosplay, destacou a alegria dos alunos no evento. “Quero agradecer ao professor Kennedy Araújo pelo convite e parabenizar pela organização, pois do que pude acompanhar vi que as pessoas estavam muito felizes e curtindo a escola de uma maneira diferente, porque escola também é lugar de diversão”, defende.

Vencedores do concurso – O concurso de Cosplay teve como objetivo escolher a “melhor turma” e a “melhor perfomance”, incluindo a fantasia, semelhança ao personagem e a criatividade envolvida. Houve empate entre duas turmas: o 3º e o 1ºB ficaram com 22 pontos. No quesito individual, a melhor pontuação foi do aluno do 1º B Victor Hugo Lopes Gonçalves, que apresentou seu Cosplay baseado na série de jogos Assassin’s Creed.

As fotos do evento (feitas por diversas pessoas) foram reunidas, separadas por dia, e estão disponíveis para acesso de todos neste link.

Texto: Cecom/Videira / Juliana B. Motta Peretti
Fotos: Cecom, professores e alunos do curso

Bibliotecária do IFC Rio do Sul ministra palestra no IFPR

Presidente da Comissão Brasileira das Bibliotecas da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, a bibliotecária Caroline da Rosa Ferreira Becker, do IFC Campus Rio do Sul – Unidade Urbana, ministrou, no dia 12 de junho, a palestra “Panorama das bibliotecas da Rede Federal de Educação PCT e o protagonismo do bibliotecário”, durante o VII Encontro de Equipes das Bibliotecas do Instituto Federal do Paraná (IFPR), realizado no Campus Irati.

Participaram da palestra aproximadamente 40 bibliotecários e auxiliares de biblioteca do IFPR, além da professora Ana Cláudia Radis, diretora do Campus Irati, e do professor Paulo Cesar Medeiros, diretor de Ensino Superior da Pró-Reitoria de Ensino do IFPR.

Becker abordou a crescente criação de Sistemas de Bibliotecas (SIBIs) nas instituições que compõem a Rede Federal de Educação PCT (atualmente são 13 SIBIs oficialmente instituídos e nove em processo de institucionalização) e o quanto esta institucionalização vem fortalecendo e desenvolvendo as bibliotecas da Rede, com ações e projetos brilhantes sendo realizados e compartilhados pelos bibliotecários.

Conversou também sobre as habilidades/competências que o bibliotecário deve ter ou buscar desenvolver/aprender: criatividade, autoconfiança, perseverança, determinação, atitude e amor pelo ser e fazer da profissão. Em tempos de grandes mudanças, transformações e recessão, a biblioteca precisa se reinventar e ser um local de aprendizagem, de compartilhamento, de pesquisas/projetos/experiências/saberes. Foram também dados aos participantes exemplares do livro Panorama das Bibliotecas da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica: um olhar sobre a gestão.

Fonte: Nauria Fontana

Acadêmicos da Licenciatura em Ciências Agrícolas representam IFC em Congresso Nacional

Nos dias 23, 24 e 25 de maio, aconteceu o I Congresso Nacional dos Profissionais Licenciados em Ciências Agrárias/Agrícolas na Universidade Federal da Paraíba – UFPB, na cidade de Bananeiras. Os alunos do curso de Licenciatura em Ciências Agrícolas do IFC Campus Araquari, Bruno Alcimar Dranka e Caroline Champowski Corrêa, estiveram no evento representando o Instituto Federal Catarinense e região Sul.

No trabalho “A arte como recurso de ensino: abordagem no ensino sobre animais peçonhentos”, o acadêmico Bruno compartilhou suas experiências sobre o tema durante a vigência do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID). O trabalho apresentado pela acadêmica Caroline intitula-se “A formação de Educadores do Campo e a atuação do Curso de Licenciatura em Ciências Agrícolas”, o qual reflete sobre as possibilidades dos profissionais na atuação da educação popular do e no campo.

O evento foi rico em diversos sentidos, pois puderam apreciar distintas realidades do curso no cenário nacional, participar do intercâmbio de saberes, que era a proposta principal do evento, e compartilhar suas experiências no IFC durante as apresentações orais dos trabalhos submetidos. Destaca-se a importância deste tipo de evento na formação dos acadêmicos para além das salas de aula, ampliando suas reflexões e seus horizontes de maneiras amplas.

Texto e imagens por: Bruno A. Dranka e Caroline C. Corrêa
Fonte: Cecom / Araquari

Estudantes de Pedagogia de Camboriú visitam Núcleo de Desenvolvimento Infantil da UFSC

Os estudantes do curso de Licenciatura em Pedagogia, do IFC Campus Camboriú, acompanhados das professoras Andressa Brandt e Degelane Duarte, tiveram a oportunidade de visitar o Núcleo de Desenvolvimento Infantil (NDI), da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em Florianópolis.

A viagem de estudos proporcionou o conhecimento da prática pedagógica, trajetória, estrutura e organização espacial do NDI. De acordo com a professora Andressa, os alunos também puderam conferir o trabalho de articulação desenvolvido entre ensino, pesquisa e extensão e participaram da formação pedagógica: “Planejamento, documentos, registros e avaliação na Educação Infantil”, ministrada pela docente da UFSC, Juliane Mende.

Com a atividade, “conseguimos proporcionar aos estudantes a integração e o compartilhamento dos conteúdos das disciplinadas Teorias Educacionais e Curriculares; Pedagogia e Infância, além de possibilitar a vivência de experiências educativas fora da sala de aula”, destacou Andressa.

Texto: Cecom Camboriú / Marília Massochin
com informações e foto de Andressa Brandt

Recursos digitais disponíveis nas bibliotecas do IFC

Cada dia aumenta o número de informações circulando pelos meios físicos e digitais. Os recursos são muitos, alguns deles pagos e outros disponíveis para todos de forma gratuita. O sistema de bibliotecas do IFC organizou e listou alguns deles que podem ser de interesse da comunidade acadêmica:

a) Bibliotecas virtuais temáticas: com destaque para a Biblioteca Virtual em Medicina Veterinária e Zootecnia.  Essa reúne todos os documentos possíveis publicados na área, incluindo Teses, Dissertações, artigos de periódicos, mas traz também eventos e outras informações relacionadas na área. Muito interessante para alunos e profissionais.

b) Internet Bird Collection – Site em inglês mas muito organizado, com informações sobre aves do mundo inteiro, incluindo vídeos, fotos e sons desses animais. Na imagem aparece o mapa do estado de Santa Catarina e as localidades de onde foram coletadas informações sobre as espécies. Para saber mais sobre os pássaros em nosso estado clique aqui.

c) Google acadêmico. Todos estamos acostumados a buscar no google, simplesmente, mas para quem busca material específico vale a pena consultar nessa aba, que trará resultados melhor direcionados para o que se tem interesse, sem perder tempo vagando por conteúdos repetidos ou falsamente relacionados.

d) Livros disponíveis eletronicamente:
Science Direct – da editora Elsevier
Scielo books – possui 636 títulos em acesso aberto, disponível para leitura e pesquisa
Domínio público – Como o nome já diz, não há mais direitos autorais e incluem muitos livros clássicos brasileiros.
Livros grátis – o Site inclui muitos livros de várias áreas, desde astronomia a medicina, de geografia a literatura. Vale a pena pesquisar.
Portal Catarina – Organizado pela UFSC oferece obras de escritores catarinense, com mais de 2600 arquivos digitalizados disponíveis a todos.

e) Além disso há o Portal da CapesPortal Scielo  e, por fim, a Biblioteca Digital de teses e dissertações, disponibilizando o conhecimento científico mais atualizado possível para uso do estudante/professor e pesquisador.

Fonte: Nauria Fontana
Bibliotecária IFC Campus Concórdia

Alunos da Agropecuária do IFC Camboriú visitam a Epagri

Para além dos limites da sala de aula, os alunos do curso Técnico em Agropecuária do IFC Campus Camboriú tiveram a oportunidade de conhecer a Estação Experimental da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri), de Itajaí/SC. A visita técnica foi promovida pela disciplina de Defesa Sanitária Vegetal, ministrada pelo professor Wilson José Morandi Filho.

Durante a atividade, os estudantes assistiram a duas palestras sobre: Análises Químicas e Entomologia, ministradas pelos pesquisadores Andrey Rebelo e Euclides Schallenberger. Logo após, conheceram a infraestrutura de laboratório e a área destinada ao cultivo de tomates e alfaces orgânicas da empresa.

De acordo com o docente Wilson, a ideia central da atividade foi colocar os alunos em contato com as linhas de pesquisa de uma empresa pública e de qualidade. “Acredito também que a visita contribuirá muito na formação como futuros Técnicos em Agropecuária, abrindo ainda possibilidades para realização de estágios curriculares”, finalizou.

Texto: Cecom Camboriú / Marília Massochin

Bibliotecários do IFC dão dicas para preparação pro Enem

Como auxílio aos estudantes do IFC que farão as provas do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem 2018, os bibliotecários Náuria Fontana (Campus Concórdia) e Diego Monsani (Sombrio) selecionaram alguns canais pelos quais os estudantes podem se preparar.

MEC FLIX
Imagine um Netflix de aulas gratuitas. Isso existe, se chama MEC FLIX e foi criado pelo Ministério da Educação. É um repositório de vídeo-aulas complementares, que servem para alunos curiosos ou que precisam de um reforço!

Eureka
O Curso Pré-Enem IFPR – Eureka utiliza como metodologia a resolução comentada das questões das provas elaboradas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) para o Enem, a partir do exame nacional aplicado em 2010, até o de 2014, incluindo aquelas elaboradas para o sistema prisional, em todas as áreas abrangidas: a) ciências da natureza; b) ciências humanas; c) linguagens; d) matemática; e) redação.

Canal de vídeo-aulas IFC Sombrio
Canal foi preparado com vários materiais. Tem como foco principal a disciplina de Matemática.

Canal Vide-oaula IFC Sombrio.

Playlist: Correções de provas passadas do Enem (Gabaritos comentados matemática).

Playlist: Revisão de Matemática para o Enem.

Playlist: Correções de provas passadas do Enem e outros vestibulares (Gabaritos comentados matemática).

Texto: Cecom Reitoria / Rosiane Magalhães

Coordenadora do Sibi conhece “Hospital de livros”

Entre os dias 8 e 10 de maio, a bibliotecária Nauria Fontana, atual coordenadora do Sistema de bibliotecas (Sibi) participou do evento “IV Encontro Paranaense de Bibliotecários” na cidade de Ponta Grossa, no Paraná.

O evento contou com diversas palestras, workshop, apresentação de trabalhos e também com a visita ao “Hospital de livros” atividade desenvolvida dentro da Penitenciária Estadual de Ponta Grossa como uma das atividades do projeto de leitura que existe na cidade promovido pelo Instituto Pegaí leitura grátis.

Segundo Fontana, o projeto é muito interessante e com um objetivo importante que é ensinar uma profissão para os detentos visando sua recuperação e, posterior, reinserção na sociedade. “Poder falar com os presos sobre a atividade e como os livros mudam suas vidas, foi algo majestoso para o reconhecimento da importância desse projeto na vida dos apenados”, enfatiza.

Durante o evento também ocorreram outras atividades interessantes, tal como o Workshop sobre a Lei Rouanet. “Numa época de falta de orçamentos nas instituições públicas sempre é interessante aprender formas de conseguir um recurso extra para as bibliotecas”, observa a coordenadora.

Texto: Cecom/Reitoria / Rosiane Magalhães
Imagem: Internet